terça-feira, 6 de agosto de 2013

Com bela atuação de Marcos Aurélio, Sport derrota o ASA e se recupera

O Leão rugiu alto em Arapiraca. Numa partida cheia de alternativas, o Sport bateu o ASA por 4 a 2 no noite desta terça-feira e chegou aos 24 pontos na Série B. Com dois gols e muita movimentação, o atacante Marcos Aurélio foi o destaque do jogo. Ele, Marcelo Cordeiro e Lucas Lima construíram a vitória dos visitantes, com Jorginho e Osmar descontando para o Alvinegro.

Com apenas 13 pontos na tabela, o time alagoano volta a jogar em casa na próxima sexta-feira, às 19h30m, contra o América-MG. Terceiro colocado, o Sport continua com o pé na estrada para visitar no próximo sábado, às 16h, o São Caetano.

Marcos Aurélio comemorou a vitória e a recuperação do Leão na Série B.

- Não tem crise na Ilha. Perdemos dois jogos, mas vamos buscar esses pontos fora de casa e brigar sempre pelas primeiras colocações. Essa vitória vai trazer tranquilidade - comentou o atacante, que recebeu o terceiro cartão amarelo e não vai jogar na próxima rodada.

Não faltou emoção no primeiro tempo

O ASA iniciou a partida sufocando o Sport. No primeiro minuto, Bombinha acionou Wanderson, que passou pelo goleiro Margão e tocou para o gol. Renan Teixeira vinha em velocidade e salvou de carrinho. Na sequência, Bombinha escorou, com estilo, um cruzamento e Magrão voou para defender. O Sport mostrou suas garras após a cobrança de um escanteio. Lucas Lima levantou na área e o goleiro Gilson bateu roupa. Para sorte do ASA, não havia ninguém do Leão no rebote e o placar seguiu inalterado. Por pouco tempo.

Aos 15 minutos, Camilo recebeu na área do ASA e deu um passe belíssimo de calcanhar para Marcelo Cordeiro, que encheu o pé e abriu marcador. O Alvinegro sentiu o golpe, ficou mais preso ao seu campo de defesa, mas, dez minutos depois, chegou ao empate com um chutaço de Jorginho. Do meio da rua, o volante acertou uma finalização improvável e venceu o goleiro Magrão, traído pelas curvas da bola. Empolgante, o jogo ainda foi marcado na etapa inicial por uma bela conclusão de Wanderson, salva em cima da linha pelo goleiro do Sport.

Marcos Aurélio conduz o Leão à vitória

O segundo tempo começou no mesmo ritmo do primeiro. Não havia ataque sem resposta do adversário, e as defesas eram muito exigidas. O Sport tocava mais a bola; o ASA explorava a velocidade de Wanderson e Bombinha para chegar ao ataque. Aos 6 minutos, justamente Wanderson foi lançado pela esquerda e fez uma linda jogada. Ele deu um chapéu em Richely e bateu cruzado, sem muita força: Magrão espalmou para o lado e, na sobra, Osmar soltou a bomba para virar o jogo.

O ASA era incisivo e Osmar teve outra chance na sequência. O lateral concluiu de dentro da área e Magrão se esforçou para pegar. A defesa alvinegra apresentava alguns buracos e o Sport tentava aproveitá-los para empatar. E quem falhou foi o goleiro Gilson. Aos 20 minutos, Marcos Aurélio bateu falta pela esquerda, a bola fez uma curva e, mal posicionado, o camisa 1 do ASA não defendeu: 2 a 2. Dois minutos depois, Fabiano acertou Marcos Aurélio dentro da área do time alagoano e o juiz não perdoou: pênalti. O próprio Marcos chutou forte, Gilson ainda tocou na bola, mas ela morreu no fundo da rede. O ASA foi para o "tudo ou nada" e levou o golpe de misericórdia. Aos 35 minutos, Lucas Lima arrancou no campo de ataque, Marcos Aurélio puxou a marcação e o meia concluiu com perfeição, confirmando a vitória do Leão por 4 a 2

Com Informações do G1

0 comentários:

Postar um comentário

Serão aceitos apenas comentários com indenficação verdadeira