quarta-feira, 14 de agosto de 2013

De olho em 2014: Lula quer Eduardo Campos no palanque de Dilma. Querer é poder?

O ex-presidente Lula fez um convite público, nesta terça-feira, para uma conversa com o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), para tratar a sucessão presidencial em 2014. Lula afirmou que Campos terá seu respeito se for candidato à presidência em 2014, mas que gostaria de conversar com o pernambucano antes sobre o assunto para tê-lo no projeto de reeleição da presidente Dilma Rousseff. O ex-presidente negou que Eduardo esteja sendo ingrato em sua movimentação para deixar a base aliada e fazer voo solo. Lula fez a declaração durante o lançamento da candidatura de Rui Falcão a novo perído na presidência do PT.

"Ele tem maioridade, tem um partido político, portanto não se trata de alguém trair alguém. Se o Eduardo Campos quiser ser candidato ele vai ter meu respeito. Eu gostaria de conversar com ele, tenho certeza de que ele vai conversar comigo. E eu acho que temos que estar juntos porque o Brasil precisa que nós estejamos juntos", disse.

Com Informações do O GLOBO

0 comentários:

Postar um comentário

Serão aceitos apenas comentários com indenficação verdadeira