sábado, 10 de agosto de 2013

Pesquisa - De Olho em 2014: Dilma, Marina e Eduardo Campos sobem. Aécio cai.

Acaba de sair uma nova pesquisa Datafolha, sobre intenção de voto para 2014. Os dados confirmam o crescimento da presidente Dilma Rousseff, que foi de 30%, no fim de junho, a 35%, agora em agosto. A ex-senadora Marina Silva também cresceu, indo de 23% a 26%. Na oposição, quem oscilou para baixo foi o tucano Aécio Neves, que caiu de 17% a 13%, enquanto o governador pernambucano Eduardo Campos, do PSB, foi de 7% a 8%.

Com os números atuais, a presidente teria 35% dos votos contra 47% dos adversários somados, o que levaria a eleição para o segundo turno, numa disputa entre Dilma e Marina.

O Datafolha também pesquisou cenários incluindo o nome do ex-presidente Lula e ele venceria em todos no primeiro turno. Os dados serão detalhados na edição deste domingo da Folha de S. Paulo e ainda hoje no 247.

Para José Serra, que foi incluído em alguns dos cenários, o resultado foi especialmente ruim. Ele teve resultados comparáveis aos de Aécio Neves, mas uma rejeição muito maior. Enquanto 36% não votariam em Serra de jeito nenhum, Aécio é rejeitado por 23%. Um número inferior ao da própria presidente Dilma, que é de 27%.

A presidente, no entanto, tem bons motivos para comemorar. Ele se recuperou de maneira sólida nas regiões Sul e Sudeste, onde sua popularidade havia sido mais afetada. No Sudeste, ela foi de 22% a 29%, enquanto, no Sul, pulou de 27% para 33%.

Quem não tem o que comemorar é o presidente do Supremo Tribunal Federal, que caiu para 11% nos cenários em que foi incluído.

0 comentários:

Postar um comentário

Serão aceitos apenas comentários com indenficação verdadeira