domingo, 29 de junho de 2014

Em Convenção: Aécio diz que PT usou o poder para enriquecer

O PSDB decidiu radicalizar seu discurso contra o PT. E os sinais ficaram claros na convenção que, neste domingo, oficializou o nome do governador Geraldo Alckmin como candidato à reeleição.

Ao falar, o presidenciável tucano Aécio Neves insinuou que o PT conquistou o poder para que seus dirigentes pudessem enriquecer. “Infelizmente, a vitória para eles não significou apenas uma oportunidade de exercer um projeto de poder, mas a possibilidade de ascensão econômica”, afirmou. O senador disse ainda que “o PT vai colher nas ruas o que plantou”.

No mesmo evento, o ex-governador José Serra acusou o PT de fazer “pregação terrorista” contra a oposição. “O PT não tem mais auroras a oferecer, não sabe porque quer governar e nem porque pretende ficar mais quatro anos”.

Principal estrela do evento, o governador Geraldo Alckmin disse que São Paulo “não quer esperteza”, ao ser oficializado candidato. “São Paulo não quer saber de contabilidade criativa, não quer esperteza ou arrogância, mas quer experiência e honestidade”.

Com Informações do 247

0 comentários:

Postar um comentário

Serão aceitos apenas comentários com indenficação verdadeira