quarta-feira, 30 de julho de 2014

Conta de luz mais cara por 2 anos: custear elétricas


O diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), Romeu Rufino, disse que o impacto do empréstimo para as distribuidoras será de 8 pontos porcentuais na tarifa de energia. O aumento será repassado à conta de luz dos consumidores a partir de 2015 e permanecerá na tarifa por dois anos.

'O reajuste leva em consideração um conjunto de fatores, mas podemos dizer que o empréstimo terá um impacto no reajuste dessa ordem de grandeza (8 pontos porcentuais)', afirmou Rufino.

Com Informações do O Estado de S.Paulo

0 comentários:

Postar um comentário

Serão aceitos apenas comentários com indenficação verdadeira