segunda-feira, 7 de julho de 2014

Raimundo Pimentel do PSB, Deputado Estadual, pode desistir da reeleição e apoiar Armando Monteiro

Deputado ainda não confirmou se abrirá mão da candidatura
(Foto: Andre Nery/Folha de Pernambuco)

O deputado estadual Raimundo Pimentel (PSB) pode desistir de tentar a reeleição para a Assembleia Legislativa de Pernambuco nas próximas eleições. Além dessa decisão, que pode ser oficializada no final da tarde deste domingo (6), o parlamentar confirmou que apoiará a campanha do senador Armando Monteiro Neto (PTB) para o Governo de Pernambuco.

“Eu estou apoiando a candidatura do senador Armando Monteiro Neto para o Governo de Pernambuco por entender que ele é o melhor nome para comandar o estado”, confirmou o deputado. “Sobre abrir mão da minha candidatura não tem nada definido. Estou conversando com minha base eleitoral para tomar uma decisão”, complementou.

Rumores dão conta que um dos motivos que podem fazer o parlamentar retirar sua candidatura e apoiar sua esposa, Socorro Pimentel (PSL), é a briga política que seu grupo trava com o atual prefeito de Araripina, Alexandre Arraes (PSB), que apoiará para a Alepe a esposa, Roberta Arraes.

Inimigo declarado do atual prefeito de Araripina, Raimundo Pimentel estaria insatisfeito com a falta de apoio que vem recebendo do PSB. Os socialistas aliados do prefeito Alexandre Arraes não aceitaram a decisão de Pimentel na última eleição municipal. Naquela oportunidade, reclamaram os correligionários, o deputado lançou a mulher para ser candidata contra o PSB, que já apoiava Alexandre Arraes.

Atualmente, Raimundo Pimentel está no exercício do seu terceiro mandato. Nas últimas eleições, foi reeleito com 42.503 mil votos.

JÁ ESPERAVA
Durante visita a Fenearte, no Centro de Convenções, neste domingo (6), o candidato ao Governo de Pernambuco pela Frente Popular, Paulo Câmara (PSB) afirmou que o deputado Raimundo Pimentel não será candidato a deputado estadual. “Ele desde o início da campanha ele se mostrou indiferente a nossa candidatura. Eu respeito, só acho que ele escolheu o caminho errado. E nós vamos mostrar a partir de 2015 qual é o melhor caminho para Pernambuco.”

0 comentários:

Postar um comentário

Serão aceitos apenas comentários com indenficação verdadeira