domingo, 3 de agosto de 2014

Paulo despenca no Recife e Armando segue disparado na liderança


Na corrida ao Senado, João Paulo amplia vantagem e tem 30%, contra apenas 13% de Fernando Bezerra

Mais uma pesquisa confirma a liderança de Armando Monteiro (PTB), candidato da Coligação Pernambuco Vai Mais Longe, na disputa ao governo do Estado e mostra uma queda do candidato do PSB, Paulo Câmara, no Recife, de 12 pontos percentuais, o que signiica uma queda de mais de 50%.

Realizada pelo Instituto Maurício de Nassau e divulgada neste sábado (2) pelo Jornal do Commercio, a pesquisa mostra que Armando Monteiro tem 37% das intenções de voto dos pernambucanos, contra apenas 11% de Paulo Câmara. Armando também é o que apresenta a menor taxa de rejeição. São 6% contra 10% do concorrente. Nesta semana, pesquisa Ibope/TV Globo já havia apontado Armando com 43%, contra 11% do socialista.

Neste novo levantamento, Armando se mantém disparado na liderança em todas as regiões de Pernambuco, inclusive no Recife e na Metropolitana. No entanto, em relação ao levantamento anterior, feito pelo Instituto Maurício de Nassau no início de abril, quatro meses atrás, Paulo Câmara cai de 23% para 11%, menos da metade do que tinha, apesar de todo o esforço do PSB na cidade e do forte engajamento do prefeito Geraldo Júlio.

Veja os resultados por região:

PERNAMBUCO

Armando Monteiro 37%
Candidato do PSB 10%

RECIFE

Armando Monteiro 30%
Candidato do PSB 11%

RMR (sem Recife)

Armando Monteiro 36%
Candidato do PSB 10%

ZONA DA MATA

Armando Monteiro 45%
Candidato do PSB 4%

AGRESTE

Armando Monteiro 35%
Candidato do PSB 10%

SERTÃO

Armando Monteiro 41%
Candidato do PSB 13%

SERTÃO DO SÃO FRANCISCO

Armando Monteiro 42%
Candidato do PSB 12%

NO SENADO - Na corrida ao Senado, o ex-prefeito do Recife e deputado federal João Paulo, que é parceiro de Armando, já aparece com uma vantagem de 17 pontos percentuais sobre Fernando Bezerra. João Paulo tem 30% e Fernando apenas 13%.

0 comentários:

Postar um comentário

Serão aceitos apenas comentários com indenficação verdadeira