terça-feira, 26 de maio de 2015

Disciplina e eficiência ofensiva fazem Sport liderar Série A


A liderança do Sport nas três primeiras rodadas do Brasileirão pode ser explicada em basicamente dois aspectos: a disciplina da equipe na hora de cometer faltas e o bom aproveitamento ofensivo do time até então. Nos dois quesitos, o Leão aparece com destaque nas estatísticas da competição. Números que até agora foram decisivos de alguma maneira para os sete pontos conquistados na Série A.

Na parte ofensiva o destaque vai para o aproveitamento do ataque rubro-negro, que é o melhor da campeonato com sete gols marcados. Fruto de um bom desempenho na hora de finalizar. Segundo números do Footstats, o Leão é o sexto que mais acerta conclusões a gol – são 16 finalizações certas. Os rubro-negros só perdem para Fluminense (19), Ponte Preta (19), Atlético-MG (18), Grêmio (17) e Palmeiras (17) nesse aspecto. Só que ao contrário dos rivais, os leoninos estão sendo mais eficientes na hora de mandar a bola para as redes com um gol para cada dois chutes na meta aproximadamente.

Outro dado ofensivo que merece destaque no Sport é quantidade de impedimentos que a equipe teve até então. Só em duas oportunidades os jogadores rubro-negros estiveram fora de jogo. Para se ter uma ideia, o Flamengo, que lidera esse item com 19 impedimentos, está na zona de rebaixamento com apenas um ponto. Bom posicionamente é a chave para não perder ataques importantes.

Mas o destaque realmente vem sendo a parte disciplinar do Leão, que é o time mais comportado do Brasileirão até o momento. São apenas 36 faltas, uma média de 12 por jogo, e somente quatro amarelos. Só o Joinville recebeu menos cartões amarelos do que o Sport, mas o vermelho dos catarinenses jogou a disciplina deles por água abaixo. Com menos faltas cometidas, os rubro-negros sofrem menos com chances de gols dos adversários.

Diego Souza Élber como destaques

Com três gols na Série A, o meia-atacante Diego Souza é o artilheiro da competição e destaque do Sport até agora. Só que o camisa 87 não está sozinho. O meia Élber também vem aparecendo bem no Brasileirão. É o segundo jogador que mais tenta o drible nos gramados, perdendo apenas para Lucas Lima, do Santos. Além disso, é o quarto jogador mais “caçado”. Élber sofreu ao todo dez faltas e vem ajudando o Leão a começar bem no campeonato.

0 comentários:

Postar um comentário

Serão aceitos apenas comentários com indenficação verdadeira