quarta-feira, 10 de junho de 2015

Lançamento oficial da I Bienal do Livro de Limoeiro


A magia dos livros vai contagiar os leitores do Agreste Setentrional pernambucano, no período de 12 a 16 de agosto, na I Bienal do Livro de Limoeiro. Com entrada franca, a vasta programação do evento será composta pela participação de grandes editoras e distribuidoras de livros do país, palestras, debates, lançamentos de livros, noites de autógrafos, shows artísticos e atividades culturais. A festa literária será realizada no clube social Colombo Sport Club.

O lançamento oficial deste importante evento ocorreu na manhã do dia 09 de junho, no auditório da Facal – Faculdade de Ciências Aplicadas de Limoeiro, que contou com as presenças do chefe do executivo da cidade de Limoeiro, Thiago Cavalcanti; a secretária municipal de Educação, Rosejara Ramos; o presidente da Andelivros, José Alveltino; a jornalista, Janaína Lima; a gerente da GRE Vale do Capibaribe, Edjane Ribeiro; o presidente da Fundação Joaquim Nabuco, Paulo Gustavo; o secretário estadual de Educação, Paulo Roberto e o deputado Estadual, José Humberto.

A I Bienal do Livro de Limoeiro é promovida pela gestão municipal, através da Secretaria de Educação do município. A iniciativa rende homenagem póstuma ao jornalista, escritor e historiador Antônio de Souza Vilaça e ao seu filho Marcos Vinícios Vilaça, membro da Academia Brasileira de Letras. A programação que já começa a ser definida, já está confirmada a participação do escritor pernambucano Raimundo Carrero, Celso Antunes, Maciel Melo e a sexóloga Laura Müller, famosa por suas participações no programa Altas Horas e autora de diversas obras sobre sexualidade e adolescência.

Ao realizar esta iniciativa, o prefeito de Limoeiro, Thiago Cavalcanti, espera que essa espécie de estímulo despertem nas crianças e adolescentes os seus talentos. “Percebemos que muitos desses talentos estão presos nas novas tecnologias, que são importantes. Porém, esperamos que despertem o hábito da leitura que tivemos no passado, como ensinaram os nossos pais e professores, buscando o fascínio do mundo da leitura”, observa o gestor da cidade.

Ainda segundo o prefeito, além de dinamizar a economia da cidade, com a geração de empregos diretos e indiretos, o evento movimentará as atividades literárias de Limoeiro e toda Região. Paralelamente ao grande número de estandes das editoras e distribuidoras de livros, a Bienal do Livro oferecerá uma série de atividades educativas e culturais.

0 comentários:

Postar um comentário

Serão aceitos apenas comentários com indenficação verdadeira