quinta-feira, 9 de julho de 2015

Limoeiro debate melhorias para os serviços de Saúde


Limoeiro sediou a 4ª Conferência Municipal de Saúde, que aconteceu nas dependências da FACAL – Faculdade de Ciências Aplicadas de Limoeiro. O evento contou com a participação de autoridades, profissionais ligados a saúde e a sociedade civil. A iniciativa é uma parceria entre a prefeitura, secretaria e Conselho Municipal de Saúde.

O tema escolhido para os debates e exposições foi "Saúde Pública de Qualidade para Cuidar Bem das Pessoas: Direito do Povo Brasileiro". A conferência teve o objetivo de mobilizar a população a avaliar a situação da saúde no município e elaborar propostas de melhorias. Além disso, foram eleitos delegados e suplentes que irão representar Limoeiro na conferência estadual em setembro.

Houve diversas palestras e exposições trazidas dos conferencistas Dra Vera Regina Paula Baroni, que na ocasião também recebeu homenagens, e Dr. Orlando Jorge, presidente do Conselho Municipal de Saúde. A conferência foi dividida em cinco eixos: Direito à Saúde, Garantia de Acesso e Atenção de Qualidade; Participação e Controle Social; Financiamento do SUS e Relação Público-Privado; Gestão do SUS e Modelos de Atenção à Saúde; Informação, Educação e Política de Comunicação do SUS.

Para a homenageada, o encontro é uma ótima ferramenta para se avaliar e cobrar melhorias nos serviços que são oferecidos à população no quesito saúde, ela também aproveitou e agradeceu a homenagem. “A responsabilidade é muito grande em avaliar o sistema de saúde, além disso, devemos apresentar diretrizes para melhorar o SUS, e acima de tudo assistir e reaver o sistema, com outras áreas de atuação, de forma mais profunda. Aproveito para agradecer ao convite recebido e a singela homenagem”, disse Baroni.

De acordo com o presidente do Conselho Municipal de Saúde, a realização das conferências municipais, além de uma exigência do Governo Federal, é também um espaço destinado ao debate da população que utiliza os serviços do Sistema Único de Saúde no município. “É de extrema importância que a população esteja presente e participe, pois é a partir desta ferramenta que é possível apresentar e discutir propostas que visam melhorar o sistema de saúde pública no município”, comentou.

Os trabalhos iniciados logo cedo com o credenciamento, logo após a composição da mesa que deu início as atividades com os palestrantes. Às 12h30, houve uma pausa para o almoço ofertado pela prefeitura de Limoeiro. No retorno as atividades, que iniciou às 13h30, houve a formação dos grupos para discutir os eixos de discussões entre os presentes.

0 comentários:

Postar um comentário

Serão aceitos apenas comentários com indenficação verdadeira