sábado, 6 de agosto de 2016

Em Passira, Máquina do PAC trabalha em terras de Candidata de Silvestre



É de conhecimento de todos que os objetivos do PAC 2 (Programa de Aceleração do Crescimento) incluem dotar as administrações municipais de meios para abertura, recuperação, readequação e conservação de estradas vicinais na zona rural de municípios com predominância de agricultores familiares e para mitigação dos efeitos da seca nas regiões do semiárido. O equipamento usado para estas finalidades é a Moto Niveladora. 

Em Passira, Agreste de Pernambuco, em pleno ano eleitoral o Prefeito Severino Silvestre-PSD, candidato a reeleição, foi flagrado disponibilizando o equipamento do PAC 2 realizando atividades na residência de uma de suas candidatas a vereadora, Edinalva Enfermeira, homologada em convenção Municipal. O ato foi registrado ontem, 05 de Agosto, no Sitio Vertente da Várzea da Passira, próximo ao Sitio Tamanduá, Zona Rural do Município, entre 18:30 e 19:00 horário em que não existe movimentação de populares. 

Em um ano em que o país clama por renovação e o fim das velhas práticas, é um absurdo o uso ilegal do poder público para o benefício de correligionários enquanto as estradas vicinais da Terra dos Bordados continuam esburacadas e precárias, dificultando o escoamento da agricultura local. 

Em tempo, em 2015 o Ministério do Desenvolvimento Agrário, Patrus Ananias, acertou parceria com o Conselho Nacional dos Procuradores Gerais (CNPG) para inspecionar a utilização das retroescavadeiras, motoniveladoras, pás carregadeiras, caminhões caçamba e pipa doados pelo governo federal às prefeituras. Os equipamentos foram entregues por meio da segunda fase do PAC 2. O objetivo é coibir o uso irregular das máquinas entregues aos municípios brasileiros. “Nós queremos fazer esse acompanhamento para saber se as máquinas estão sendo utilizadas em prol do bem coletivo”, afirmou o ministro.

Você concorda com esta prática? Se você presenciar fatos assim denuncie ao Ministério Público, tire fotos e mande para o Blog Aventura Passira.

0 comentários:

Postar um comentário

Serão aceitos apenas comentários com indenficação verdadeira