domingo, 16 de outubro de 2016

Em tempos de crise e demissões, Prefeitura de Passira gasta 3.650 com perfumaria

Após um resultado eleitoral catastrófico para o atual Prefeito de Passira, Agreste de Pernambuco, Severino Silvestre-PSD, inúmeras demissões foram impostas, ameaça do corte de transporte público para universitários, saúde e Rede Municipal de Ensino, além de alguns serviços essenciais precarisados como a coleta de lixo. Todas essas decisões foram tomadas com o discurso de contenção de gastos diante da crise econômica Nacional.

Vejamos, a crise econômica tão lardeada pelo atual gestor vem desde 2014, somente após o resultado eleitoral Passira veio sentir as gruras do efeito? Se fosse tão evidente assim por que Silvestre deixaria passar um projeto que reajusta em 33% os salários de Prefeito, Vice-Prefeito, Legislativo e Secretariado do Executivo, mesmo tendo 8 dos 11 vereadores compondo sua base aliada?

Certamente a população não sabe que a administração pública, entre outros gastos, bancou 3.650,00 reais com loja de perfumaria da cidade de Limoeiro, entre os meses de Janeiro e Março de 2016.

Os dados da empresa e o período da dispesa estão nas imagens a seguir e podem ser visualizadas a qualquer momento no Portal da Transferência da Terra dos Bordados.

0 comentários:

Postar um comentário

Serão aceitos apenas comentários com indenficação verdadeira