quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Em Passira, Prefeitura paga o dobro para recepcionista trabalhar menos que a classe


A Prefeitura Municipal de Passira, Agreste de Pernambuco, alimentou recentemente o Portal da Transparência com as despesas de pessoal, incluindo: contratos, empenhos e folha de pagamento. O Blog Aventura Passira recebeu denuncia de discrepância de valores para uma mesma classe, a de Recepcionista Hospitalar.

Em pesquisa, descobriu-se que uma Recepcionista recebeu no mês de setembro/2016 R$ 1.784,00, tendo como salário base 880,00 + gratificação de 640,00 + adicional noturno de 176,00 + quinquênio de 88,00, todos esses valores refente a uma carga horária de 160 horas. Enquanto uma outra profissional com mesma função recebe por uma carga horária de 180 horas apenas 880,00.

O fato de receber mais para trabalhar com uma carga horária inferior ao que recebe menos vem deixando a classe revoltada com o poder executivo municipal. Segundo informações, a profissional beneficiada tem laços familiares com uma das Secretárias do Município. No entanto, como a matéria não foca no lado profissional, mas como a máquina pública vem sendo administrada, ocultou-se os nomes dos servidores, bem como seus dados pessoais.

Salienta-se que até o dia 31 de Dezembro a edilidade municipal é administrada pelo prefeito derrotado nas eleições de 02 de outubro, Severino Silvestre-PSD.

Para ter acesso ao relatório da folha de pagamento do mês de setembro dos servidores da Saúde da Terra dos Bordados clique aqui.

0 comentários:

Postar um comentário

Serão aceitos apenas comentários com indenficação verdadeira