quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Homem é preso com 59 cartões do Bolsa Família no Agreste de PE


Um homem foi preso nesta quinta-feira (9) com 59 cartões do Bolsa Família, 17 cartões bancários com senha, 23 carteiras de identidade e 38 carteiras de trabalho em Venturosa, no Agreste de Pernambuco.

De acordo com a Polícia Civil, o empresário Elias Antônio da Silva, 48 anos, foi preso em cumprimento a um mandado de prisão preventiva expedido pela comarca de Venturosa. Ele é suspeito de ser mandante de um homicídio ocorrido há cerca de seis meses no município, por motivos de vingança.

O suspeito foi preso em seu estabelecimento comercial de móveis usados, no centro de Venturosa, onde foi encontrado o material apreendido. Um inquérito por portaria foi instaurado na delegacia local para investigar o caso. 

Ainda segundo a Polícia Civil, a suspeita é de que ele retinha os cartões das vítimas e realizava empréstimos, com cobrança de juros abusivos. Os proprietários dos cartões serão intimados dentro da investigação. Caso os crimes sejam comprovados, o homem poderá responder por agiotagem, extorsão, crime contra a economia popular, entre outros.

O suspeito já havia sido preso e respondia por estelionato. Ele foi levado para realizar exame de corpo de delito e em seguida encaminhado ao Presídio Advogado Brito Alves, em Arcoverde, no Sertão.
Força-tarefa

Elias Antônio da Silva foi preso dentro de uma força-tarefa instituída pela 19ª Delegacia Seccional de Arcoverde, após o registro de vários homicídios em Venturosa. Pelo menos oito pessoas já foram presas dentro da força-tarefa, inclusive o suspeito de ser executor do homicídio pelo qual Elias Antônio foi preso.

0 comentários:

Postar um comentário

Serão aceitos apenas comentários com indenficação verdadeira