domingo, 28 de maio de 2017

Apac: novo alerta de chuvas moderadas a fortes na RMR, Agreste e Mata


A Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) emitiu, na madrugada deste domingo, mais um aviso hidrometeorolígico alertando sobre a possibilidade de chuvas moderadas a fortesao longo do dia. O documento, elaborado às 3h10, indica a continuidades das precipitações na Região Metropolitana do Recife (RMR), Zonas da Mata Norte e Sul e Agreste do estado.

De acordo com o monitoramento pluviométrico da Apac, as chuvas foram mais intensas até o momento nas cidades de Ribeirão, onde choveu 257,33 mm nas últimas 24 horas; Rio Formoso, com 246,77 mm; Caruaru com 218,38 mm; Água Preta com 211,41 mm e Barra de Guabiraba, 196.84 mm de chuvas.

Em Caruaru, duas casas foram soterradas após o deslizamento de uma barreira, mas ninguém ficou ferido. Por volta das 19h, um carro que transportava cinco pessoas foi arrastado pela correnteza de um riacho no bairro Caiuca. Quatro ocupantes do veículo conseguiram sair com rapidez. Uma mulher teve que ser resgatada por moradores e, de acordo com a assessoria de imprensa da Secretaria de Saúde do município, sofreu apenas escoriações e passa bem. Diversas ruas da cidade ficaram alagadas. Segundo a assesssoria de comunicação do Corpo de Bombeiros, a corporação foi acionada em Caruaru e cidades vizinhas para realizar o resgate de pessoa ilhadas em suas comunidades.

Na Mata Sul, muitas famílias estão desalojadas. Em Barreiros, foram registrados 30 deslizamentos de terra e cerca de 120 moradores de áreas de risco deixaram suas casas, abrigando-se nas residências de parentes. Em Rio Formoso, onde foram registrados 12 deslizamentos de terra, cerca de 24 pessoas estão na mesma situaçã.

Na cidade de Belém de Maria, moradores temem que a enchente de 2010 se repita. No local, o padre Josias, da cidade de Cupira, alertou para o aumento e para a força das águas do Rio Panelas que, segundo ele, vão chegar aos municípios de Catende, Palmares e Água Preta.

No Grande Recife choveu mais em Paulista, com 105.64 mm nas últimas 24 horas; Cabo de Santo Agostinho, com 98,61 mm e Igarassu, com 75,40 mm. Em Jaboatão dos Guararapes choveu no mesmo periodo 43,99 mm, no Recife 39,96 mm e em, Olinda, 11,93 mm.

A Defesa Civil do Recife orienta os moradores de áreas de risco a se abrigarem em locais seguros, em caso de necessidade. O órgão mantém um plantão permanente para o atendimento da população e pode ser acionada através do telefone 0800 081 3400. A Central de Atendimento funciona 24h. A ligação é gratuita.

0 comentários:

Postar um comentário

Serão aceitos apenas comentários com indenficação verdadeira