segunda-feira, 2 de outubro de 2017

Prefeita de Passira emite nota de repúdio após ser vítima de montagens difamatórias

A prefeita de Passira, no Agreste de Pernambuco, Renya Carla, divulgou uma nota de repúdio nesse domingo (1º), após a divulgação de montagens utilizando o rosto de mulheres da cidade em corpos nus. Segundo a prefeita, as imagens estão sendo disseminadas em grupos de WhatsApp e redes sociais. As postagens vêm acompanhadas de palavras de baixo calão direcionadas às vítimas.

"Antes de gestora municipal, aqui falo como mulher passirense, povo de bem, que leva na imagem a marca de um povo honrado. Digo ainda que tal atitude não fica apenas na falta de respeito, mas se caracteriza como um crime gravíssimo, e, portanto, as medidas necessárias serão tomadas e o Poder Judiciário aplicará as medidas que julgar necessárias", diz a prefeita na nota.

De acordo com a prefeita Renya Carla, várias vítimas já estiveram na delegacia local para denunciar o crime. A gestora, que teve a imagem divulgada junto a uma montagem no último sábado, também deverá prestar queixa, na Delegacia de Repressão aos Crimes Cibernéticos, localizada no Recife.

Além da prefeita, a secretária municipal de Políticas Públicas Para a Mulher, Amanda Vilanova, também divulgou nota repudiando a atitude criminosa. "O que presenciamos hoje é o cenário de uma sociedade extremamente machista e misógina, onde nosso corpo, enquanto mulher, é visto como objeto. O respeito é um direito humano, e todas as mulheres, sendo elas autoridades públicas ou não, devem ter seus direitos garantidos", diz um trecho da nota.

Boletins de ocorrência

Segundo a Delegacia de Passira, vários boletins de ocorrência foram registrados no local. Os casos serão apurados e os responsáveis deverão ser punidos pelos crimes.

Com Informações do NE10

0 comentários:

Postar um comentário

Serão aceitos apenas comentários com indenficação verdadeira